Prestador de Serviços Autônomo: Tudo o que Você Precisa Saber para se Tornar Um!

Descubra como ser um prestador de serviços autônomo

Que tal ser o seu próprio chefe? Já se imaginou trabalhando por conta própria, administrando os seus horários e as suas férias? É assim, com liberdade e livres escolhas, que um prestador de serviços autônomo leva a vida profissional.

Se essa ideia te agrada e você está realmente disposto a mudar de vida para começar a trabalhar única e exclusivamente como autônomo, então está no lugar certo. Tenho ótimas dicas para você iniciar essa nova fase muito bem. Confira!

Passo a passo para ser um prestador de serviços autônomo

Se você ainda tem dúvidas sobre o que é o trabalho autônomo, precisa saber que essa categoria não possui nenhum vínculo empregatício. Portanto, tudo que diz respeitos ao seu trabalho deve ser definido e providenciado por você.

Sendo assim, antes de começar, veja abaixo os principais passos para ser um autônomo bem-sucedido, além de algumas dicas para não cometer nenhum erro no início. Veja:

Serviço

O primeiro passo, crucial, é definir quais tipos de serviços você vai prestar. Existe uma variedade enorme de trabalhos autônomos, tal como consultor, coach, professor, infoprodutor, vendedor, blogueiro, dentro outros. Porém, ainda que você já saiba qual profissão vai exercer, é preciso também definir quais os tipos de serviços você vai prestar.

Por exemplo: se decidir ser professor de matemática, você tem conhecimentos para ensinar essa matéria para quem? Para crianças do ensino fundamental? Para jovens do ensino médio? Para um público mais universitário? Ou para todos eles? Veja isso detalhadamente, pois é a partir do seu catálogo de serviços que os clientes vão surgir.

Legislação

Com o primeiro passo bem definido, você pode começar a se organizar para iniciar a sua nova vida profissional. É nessa hora que surge a parte mais burocrática de ser um prestador de serviços autônomo. Você precisa conhecer a legislação para atuar de forma legalizada e, alguns casos, até receber o direito à isenção de impostos.

Para isso, procure a prefeitura da sua cidade, verifique os procedimentos para se tornar um autônomo e consulte também as vantagens que isso proporcionará para você. Vale lembrar que, dependendo da sua profissão, a nota fiscal pode ser exigida por muitos clientes e isso pode ser solucionado com um simples cadastro na prefeitura.

Organização

Depois que estiver tudo legalizado, lembre-se que você é o seu chefe, mas é também o responsável por tudo. Então, nada de corpo mole!

Para ser um prestador de serviços autônomo bem-sucedido, organize a sua rotina, defina um horário e um local fixo para trabalhar, tenha um orçamento e planejamento empresarial, e fique atento às cláusulas dos contratos que assinar, afinal, são elas que ditam como o serviço será prestado. Então, muita atenção!

Público

Por fim, tenho uma dica muito importante, que pode fazer toda diferença na sua vida profissional. Não espere o seu público-alvo ir até você. Por menor o seu negócio seja, use a internet para expandi-lo e para fazê-lo chegar até as pessoas que não conhece.

Aqui no Ignição Digital você encontra diversas estratégias de marketing que pode usar para fazer divulgações, obter mais clientes e, quem sabe, transformar o seu serviço autônomo em uma empresa. Por que não? Navegue mais pelo o blog e descubra tudo que você pode fazer e conquistar com o marketing digital!

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

One thought on “Prestador de Serviços Autônomo: Tudo o que Você Precisa Saber para se Tornar Um!”

  1. somos uma micro empresa brasileira trabalhamos com automóveis a gasolina/flex e veiculos médios diesel gostaríamos de encaixar nossa empresa a prestar serviços para empresas de grande porte dentro de nosso estado somos do pará

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *