Como rankear um conteúdo e gerar muitas conversões ao mesmo tempo

Até algum tempo atrás, muitas pessoas achavam que SEO se resumia a enganar os mecanismos de busca ou que apenas otimizar um site seria suficiente para ficar melhor posicionado nos mecanismos de busca.

Entretanto, quanto mais o tempo passa, mais fica claro que a realidade não é bem essa.

Hoje, sabemos que SEO, conteúdo de qualidade focado no usuário e conversão caminham de mãos dadas. Mas como rankear um conteúdo e gerar muitas conversões ao mesmo tempo?

Nesse artigo, você verá:

Que tipo de SEO você deve fazer

Quem gera o tráfego mais valioso

Por que o tráfego precisa converter

A importância de ter um conteúdo base

Como criar o conteúdo base do seu site

 

banner-klicksite

Que tipo de SEO você faz?

tipo-seo

 

Você sabe qual é o tipo de SEO que realmente funciona?

Se você acha que otimizar o seu site ou blog para os mecanismos de busca envolve conteúdo de baixa qualidade, pouco valor e compra de links para páginas com poucas palavras-chave, é melhor repensar sua estratégia.

As práticas de SEO que realmente beneficiam o seu site a longo prazo e lhe deixam bem posicionado nos mecanismos de busca são:

  • Criação de conteúdos de alto valor que alcancem os objetivos do seu negócio como se mecanismos de busca não existissem
  • Uso das redes sociais para promover o conteúdo, resultando em links naturais e outras demonstrações de qualidade e relevância
  • Foco na melhoria da autoridade natural do site, das páginas e do próprio autor, criando influência no seu nicho e aumentando a confiança do Google
  • Fazer otimização on-page usando a linguagem que a audiência usa quando procura e socializa, para que o Google lhe considere a opção mais relevante

Essa abordagem tem mais uma grande vantagem: ela é extremamente encorajada pelo Google, pois melhora o seu algoritmo e os resultados de busca.

Vale relembrar que não se trata apenas dos resultados de busca. Se você quer mesmo fazer marketing de conteúdo, deve focar na audiência e no compartilhamento nas redes sociais.

Por outro lado, isso não significa que você deve abrir mão do SEO.

 

De onde vem o tráfego mais valioso?

trafego-valioso

 

A resposta é fácil: dos mecanismos de busca.

O tráfego de busca direcionado é o grande segredo para alcançar os objetivos do seu negócio (inclusive vendas), ao contrário de conseguir tráfego aleatório.

E por que isso acontece? Por causa da intenção.

Os melhores profissionais de marketing sabem que o estado de espírito dos possíveis clientes faz toda a diferença.

Quem busca por algo mais específico estará mais motivado ao chegar no seu site – e é importante manter essa informação em mente.

Se as pessoas estão buscando um produto ou serviço, há uma grande chance de que elas pretendem adquiri-lo.

Se estão procurando por uma informação e a encontram no seu site, você tem uma ótima oportunidade de transformar essa visita inicial em atenção a longo prazo e até mesmo ganhar mais um inscrito na sua lista.

Usar uma estratégia baseada em conteúdo e redes sociais é mais um exercício de construção de audiência do que de conversão propriamente dita.

Mas se você consegue fazer isso com sucesso, pode alcançar um ranqueamento de longo prazo e valor nos mecanismos de buscas. E isso fará com que o tráfego de busca direcionado aumente cada vez mais.

Nesse cenário, a otimização do conteúdo é extremamente importante.

 

Tráfego só compensa se converter

trafego-converter

 

Tráfego é bom e importante, mas não é tudo. Afinal, se ele não gera conversão, qual é o seu sentido?

Mais uma vez: não se trata apenas de tráfego, mas de tráfego direcionado.

Então, o que você precisa fazer não é encher a sua página de palavras-chave. Isso pode ser ótimo para os robôs do Google, mas com certeza irá espantar os seus leitores.

Além do mais, você não precisa disso.

Na verdade, o que você tem que fazer é criar um conteúdo que seja amigável para esses mecanismos. E isso inclui usar no seu conteúdo a mesma linguagem que os usuários relevantes estão usando.

A melhor maneira de começar é criando e otimizando um conteúdo “base”.

Confira também Como chamar atenção e converter em 6 passos

 

Como construir um conteúdo base que o Google (e o seu público) adora

conteudo-base

 

Basicamente, o que o Google espera que você faça é dar ao seu visitante informações essenciais sobre como você pode ajudá-lo a resolver um problema e explicações sobre por que você é a pessoa ideal para resolver as necessidades dele.

E, claro, tudo isso deve ser feito da maneira mais convincente e atraente possível.

A melhor maneira de rankear bem os tópicos centrais do seu site é criar um conteúdo que funcione como sua pedra angular, isto é, como uma espécie de base.

Esse conteúdo pode ser um tutorial mais longo, uma página de perguntas frequentes ou mesmo uma declaração da missão do seu negócio.

De maneira resumida, podemos dizer que esse conteúdo deve falar do que as pessoas precisam saber para usar seu site e fazer negócio com você.

Se você fizer uma abordagem estratégica, o conteúdo poderá rankear extremamente bem nos mecanismos de busca. O segredo é criar um conteúdo para o qual vale a pena linkar e divulgá-lo sempre que possível.

 

5 passos para criar o seu conteúdo base

 

1. Palavras-chave

Levando em consideração o que você já sabe sobre palavras-chave, escolha a palavra ou frase mais adequada ao seu conteúdo.

Está com dificuldade? Então, experimente se fazer a seguinte pergunta: qual é o questionamento relevante que os usuários estão fazendo e que o seu conteúdo/produto podem responder?

Outro ponto que você precisa analisar é: será que a quantidade de pessoas fazendo essa pergunta é grande o suficiente para justificar a produção desse conteúdo?

Por fim, o próximo passo é se certificar de que os mecanismos de busca acham que o seu conteúdo realmente fala sobre aquela palavra-chave.

2. Títulos e tags

Não há dúvidas sobre a importância do uso da palavra-chave na tag título.

Como os mecanismos de busca querem oferecer resultados relevantes, esses resultados devem trazer as palavras que o usuário está usando no título da página.

Mas você precisa se lembrar de que essa tag funciona como uma manchete. Seu objetivo deve ser falar com o público usando as palavras que ele mesmo escolheu.

Além disso, essas palavras precisam estar inseridas em um título matador, que prometa responder exatamente o que ele está perguntando.

Mais um detalhe: escrever um título irresistível e que use as palavras-chaves aumenta a probabilidade de o leitor usar seu título para linkar de volta para você.

E como o link para o texto âncora é um importante componente dos algoritmos do mecanismo de busca, colocar as palavras-chave corretas no título pode lhe dar uma grande vantagem.

3. Conteúdo

Será que um conteúdo enorme pode rankear bem para um termo altamente competitivo por conta própria?

Com certeza.

Mas se o seu site ou blog é novo, e você está tentando rankear para um termo muito competitivo, outros recursos serão necessários para o rankeamento acontecer.

E o que isso significa? Que o seu conteúdo precisa ser realmente bom, tanto em qualidade, quanto em escopo.

A dica é escolher uma maneira de fazer isso que o diferencie dos concorrentes. Pode ser, por exemplo, um tutorial em várias partes ou um manifesto inspiracional.

Encontre uma maneira de responder uma pergunta muito melhor do que os concorrentes. Assim, você ganhará mais links e, consequentemente, seus resultados serão visivelmente melhores.

4. Landing page de conteúdo

Se você está disposto a ampliar o escopo do seu conteúdo, o melhor é tornar as coisas mais fáceis para o leitor em termos de usabilidade.

Uma landing page de conteúdo é criada para comunicar instantaneamente ao leitor o que está acontecendo assim que ele chega ao seu site.

Uma landing page de conteúdo traz ainda vários benefícios, como mais links e compartilhamentos e otimização do site.

5. Conteúdo relacionado

Os mecanismos de busca costumam favorecer sites que têm muitos conteúdos relevantes e frequentemente atualizados. A autoridade geral dos links também pesa muito.

Tente colocar o link do seu principal conteúdo na barra lateral do seu site. E, focando nos tópicos corretos, será mais fácil fazer referência ao seu conteúdo base.

Lembre-se também de explicar o contexto quando discutir tópicos mais avançados, que exigem conhecimento prévio.

Nunca suponha que todos já leram seu conteúdo base ou têm conhecimento sobre o que você está falando.

Linkar periodicamente para o seu conteúdo base ajuda-o a ser descoberto por novos leitores e receber novos links.

 

Recapitulando

Nesse artigo, você aprendeu:

Quais são as melhores práticas de SEO

Por que os mecanismos de busca geram o tráfego mais importante

Como transformar o tráfego em conversão

Por que você precisa de um conteúdo base e como criá-lo

 

banner-klicksite

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

11 thoughts on “Como rankear um conteúdo e gerar muitas conversões ao mesmo tempo”

  1. Excelente site! Parabéns! Muito bom conteúdo, essas dicas me ajudaram muito!
    Érico Rocha você é espetacular no que faz, te admiro muito.
    Obrigada por compartilhar o seu conhecimento conosco!
    Abraços

  2. Érico Rocha me surpreende, pois avançou bem na área que atua. Pode falar bem de desenvolvimento pessoal e agora de sites. Sei que não foi feito tudo sozinho, mas com certeza ajudou na execução e planejamento.
    Está direcionando bem as pessoas ao novo tempo dos buscadores, onde conteúdos pobres estão cada vez mais irrelevantes.
    Sucesso!

  3. Muito bom, parabéns.
    Comecei dois blogs sou Novo nisso nunca ganhei nada.

    Com um conteúdo bem escrito usando imagens otimizadas vídeo e artigos bem estruturados e publicando media de 2 artigos por semana, é possível afirmar que em um ano eu consiga rankear bem e ganhar dinheiro com os blogs ?

  4. Excelente artigo e matéria que me ajudou a esclarecer muitas dúvidas por eu ser um novato, e fiquei entusiasmado por ter lido a respeito das perguntas frequentes como um dos fatores importantes de ranqueamento, os quais acabei de criar no meu site. Muito obrigado Erico, por compartilhar conhecimento !

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *