Saiba Quais São os Tipos de Estoque e Escolha o Ideal Para Sua Empresa

Saiba Quais São os Tipos de Estoque e Escolha o Ideal Para Sua Empresa

Realizar uma boa gestão de estoque faz toda a diferença em um empreendimento. Isso porque é ele que dita quais produtos estão em alta, quais precisam ser vendidos com urgência, como está o controle de compras e vendas, etc. Mas você sabia que existem diversos tipos de estoque?

Há várias formas de organizá-lo e você pode optar por aquela que melhor se enquadra à sua empresa. A seguir, vamos analisar os tipos de estoque e como eles são feitos. Confira!

Para que serve o estoque?

Primeiramente, é importante entender o conceito de estoque. Como o nome sugere, ele é uma forma de estocar produtos e materiais de uma empresa. É lá onde ficam armazenadas as mercadorias que serão comercializadas.

Os produtos vendidos saem do estoque para o consumidor. Quando algum item está perdendo o ritmo de vendas, vale o empreendedor pensar em estratégias para se livrar da estocagem daquele produto. Seja realizando promoções que não prejudiquem no orçamento ou investindo mais em ações de marketing, por exemplo.

Sendo assim, estoque parado não é um bom indicativo. É essencial ter um bom controle para que não haja produtos em excesso e nem em falta.

Tipos de estoque

Agora vamos para os tipos de estoque existentes. Cada um apresentará uma administração diferente e irá depender da estratégia e das necessidades de sua empresa.

Estoque de antecipação ou sazonal

É quando a empresa sabe que terá alta demanda naquele período e precisará elevar a produção para ter pronto atendimento e suprir as necessidades do consumidor. Assim, há menos riscos de perder a venda.

Costuma ocorrer em datas sazonais, como o natal, ou em épocas de Black Friday, por exemplo. Também funciona bem para quem conta com fornecimentos inconstantes.

Estoque consignado

Aquele mantido por terceiros, como distribuidores ou clientes fabricantes do produto.

Estoque de contingência

Funciona como garantia para quando ocorrer falhas nos processos de operação ou no sistema.

Estoque de proteção

É o estoque utilizado para quando há falhas no transporte de mercadorias (atrasos ou greves, por exemplo) e elas não chegam. Funciona para proteger as vendas e ter disponibilidade de produtos em casos atípicos.

Estoque regulador

Costuma ser utilizado para empresas com filiais, em que uma delas fica responsável por suprir as necessidades de estoque das outras.

Estoque máximo

Armazenamento de uma quantidade máxima de produtos por determinado tempo até que seja possível realizar um novo pedido. Pode ser uma boa opção para quem precisa economizar, por conseguir negociar descontos. Porém, é importante ter cuidado para não ficar com o estoque parado.

Dropshipping

Muito utilizado em e-commerces, em que o consumidor realizar o ato da compra, faz o pedido e o fornecedor encaminha o produto em nome da loja.

Dentre estes tipos de estoque, qual melhor se enquadra ao que sua empresa precisa? Comente, compartilhe e continue acompanhando o Ignição Digital!

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *