Pesquisa Sobre Empreendedorismo Aponta Crescimento No Brasil

pesquisa sobre empreendedorismo

Mesmo antes da gourmetização da comida de rua, quem nunca se deparou com carrinhos e barraquinhas de comida espalhados pelos mais diversos cantos do Brasil? Isso sem contar nos revendedores de cosméticos, iogurtes, entre outras mercadorias. Certamente, você deve se lembrar de alguém que começou a se aventurar em atividades comerciais em seu tempo livre. O brasileiro tem sangue de empreendedor e isso tem se refletido em toda pesquisa sobre empreendedorismo realizada por aqui.

O que mais chama a atenção, no entanto é que na última década, abrir o próprio negócio tornou-se sonho de grande parte dos brasileiros. E o mais surpreendente: eles estão cada vez mais sendo motivados pela identificação de oportunidade e não simplesmente porque precisam de uma renda extra.

Essa foi a conclusão da mais recente pesquisa sobre empreendedorismo GEM (Global Entrepreneurship Monitor), realizada por aqui pelo Sebrae (Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas) e pelo Instituto Brasileiro de Qualidade e Produtividade (IBQP), em 2014. Segundo o estudo, a cada 100 brasileiros que começam a investir no próprio negócio, 71 são incentivados por oportunidade. Estamos acreditando tanto em nossas ideias, que a cada três de nós, entre 18 e 64 anos, já investiram em uma empresa para chamar de sua.

Como resultado, a taxa de empreendedorismo saltou de 23%, em 2004, para 34,5%, num período de 14 anos. Metade desse número corresponde a novas empresas, com menos de três de funcionamento!

Pesquisa sobre empreendedorismo também revela Brasil na liderança

Essa pesquisa sobre empreendedorismo também comparou as taxas brasileiras com as de outros integrantes dos Brics (conjunto de países considerados emergentes) e o nosso país liderou o ranking. Para se ter uma ideia, a China, segunda colocada, apresenta taxa de 26,7%. Índia aparece em seguida, com 10,2%, África do Sul com 9,6% e, por fim, a Rússia com 8,6%.

A quantidade de brasileiros que têm ou estão envolvidos na criação de uma empresa também é superior em relação ao restante do mundo. Surpreendentemente, empreende-se mais aqui do que em países desenvolvidos, como Estados Unidos, Reino Unido e Japão. Esses países apresentaram taxas de empreendimento de 20%, 17% e 10,5%, respectivamente.

Por que o Brasil?

Você deve estar pensando quais são as razões pelas quais o Brasil ocupa a liderança do ranking de empreendedorismo mundial, não é mesmo? Os realizadores da pesquisa apontam as melhorias no ambiente legal, como a criação e ampliação do Supersimples, reflexos desses resultados. Mas não deixam de considerar o empreendedorismo como a principal maneira das pessoas realizarem o sonho de ter seu próprio negócio.

Próprios dados da pesquisa apontam essa tendência. Pela primeira vez na história deste país, o número de pessoas que desejam se tornar chefes de si mesmo (31%) é o dobro daqueles que querem fazer carreira em empresas terceiras (16%). Empreender, inclusive, é o terceiro sonho dos brasileiros, atrás somente da compra da casa própria e de viajar pelo país.

Incrível os dados dessa pesquisa sobre empreendedorismo, não é mesmo? E você, está pensando em investir no seu negócio? Convido-o a assinar nossa newsletter para obter sacadas que ajudarão a alavancar sua empresa!

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *