Patrimônio Líquido — O Que é e Como Calcular

Patrimônio Líquido — O Que é e Como Calcular

Entre tantas despesas e gastos em uma empresa, dificilmente é possível reconhecer, realmente, quanto se tem disponível para investimento de maneira pura. Para saber isso, é necessário saber calcular o patrimônio líquido.

Se você ainda não sabe o que é e quer ter noção de como vai a lucratividade real de seu negócio, confira os detalhes que separei neste artigo!

O que é o patrimônio líquido?

Quando falamos de patrimônio líquido, estamos nos referindo diretamente à riqueza do seu negócio, ao valor que, de fato, “sobra” depois de todos os pagamentos feitos. Resumidamente, ele expõe a amplitude da fonte interna de recursos da empresa e reflete o investimento feito, bem como seu índice de retorno direto.

Como calcular o patrimônio líquido?

CLIQUE e baixe o ebook!

Para fazer o cálculo correto do patrimônio líquido de sua empresa, ou até mesmo pessoal, você precisa primeiramente entender o que são os ativos e os passivos, componentes do balanço patrimonial de sua empresa.

Ativos

Os ativos nada mais são do que os bens e direitos da organização, desde que possam ser convertidos em valores monetários. Incluem, por exemplo, o valor em caixa, o que será recebido, estoque, produtos, equipamentos e móveis.

Passivos

São chamados de passivos as obrigações da empresa perante terceiros, como dívidas, empréstimos e contas cujo pagamento está pendente.

Diante desses dados, para calcular o patrimônio líquido você deverá subtrair os passivos dos ativos. Isso será muito simples se você tiver o hábito, em sua empresa, de realizar o balanço patrimonial anual.

Lá todos os valores estarão discriminados devidamente e você não terá nenhum trabalho excessivo para fazer as somas necessárias.

Veja o que você precisa para criar o seu negócio digital de sucesso, com um método que pode ser aplicado em qualquer segmento. CLIQUE e baixe o ebook!

Como o patrimônio líquido deve constar no balanço patrimonial

Segundo a lei nº 11.638/2007, as contas do patrimônio líquido devem estar presentes no balanço patrimonial divididas da seguinte forma:

  • • capital social — montante subscrito e parcelas ainda não realizadas por sócios e/ou acionistas;
  • • reservas de capital — recursos obtidos pela empresa que não envolvem a formação de lucro. Casos comuns são os valores decorrentes de reembolso ou compra de ações;
  • • ações em tesouraria — registra o valor das ações da companhia adquiridas pela própria;
  • • reservas de lucros — apropriação de parte dos lucros por questões legais ou desejo do proprietário;
  • • ajustes de avaliação patrimonial — aumentos ou diminuições de elementos incluídos no ativo ou no passivo não computadas no exercício devido a reavaliação;
  • • prejuízos acumulados — ainda não cobertos.

Agora que você já sabe como calcular o patrimônio líquido, terá muito mais controle sobre o real valor de sua empresa e de seus investimentos! Confira mais dicas como essa no Ignição Digital!

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *