5 Coisas que Você Não Deve Fazer ao Vender Produtos On-line

vender produtos on-line

Quem sempre sonhou em abrir o próprio negócio, conseguiu a realização graças às lojas virtuais que permitem vendas 24 horas por dia com um custo baixo. Além disso, o e-commerce não necessita de muitos funcionários, aluguel de espaço físico e estoques. Mas, você sabia que mesmo com tanta facilidade cerca de 30% das lojas virtuais fecham antes mesmo de completar 2 anos? Pensando nisso, eu trouxe 5 coisas que você não deve fazer ao vender produtos on-line e garantir o sucesso da sua loja. Vamos lá?

1- Produtos com poucas informações

Existe coisa pior do que acessar uma loja on-line em busca de um produto e não ter acesso às informações dele? Acredito que não. Uma das grandes vantagens de vender produtos on-line é justamente poder adicionar informações e características completas do que se está vendendo. Por isso, não hesite em apresentar todas as informações: marca, modelo, tamanho, fotos de qualidade e até mesmo depoimentos de quem já comprou.

2- Informações de contato reduzidas

Se o seu site não possui informações de contato ou deixa essas informações muito escondidas, certamente despertará desconfiança de quem acessa o seu e-commerce. Por isso, é essencial que tenha pelo menos um número de telefone para contato com a loja, e-mail ou um campo com mensagens instantâneas. Lembre-se sempre de estar ativo em todas essas fontes de contato. Desse modo, quaisquer dúvidas que o cliente tenha sobre prazo, frete e disponibilidade de produtos, ele logo sanará com o seu atendimento.

3- Falta de variedade de pagamentos

Foi-se o tempo em que o único método de pagamento era o dinheiro. Hoje em dia, o usuário está em busca de facilidades, seja com um desconto na primeira compra ou isenção do frete em compras de valores altos. Além disso, existem inúmeras bandeiras de cartão de crédito, não fique preso em algumas, amplie as possibilidades.

Existem também muitas pessoas que não possuem ou não usam cartão de crédito e o pagamento em forma de boleto é o mais viável. Abra o leque de possibilidades aos clientes e aumente a sua rede de compradores.

4- Design confuso e/ou pouco atrativo

Sites com cores muito chamativas ou fontes feias, por exemplo, é um grande problema. Além de não transmitir confiança ao comprador, ele não se sentirá atraído a ir até o carrinho de compras. Não deixe de investir em um site bonito, moderno e que seja responsivo. Desse modo, será muito mais fácil vender produtos on-line.

5- Não corrigir/verificar problemas técnicos no site

E por último, mas não menos importante: os famosos problemas técnicos. Imagine que alguém está à procura do seu produto, encontra e não consegue efetuar a compra por causa de problemas técnicos no site. Se ele tiver paciência, esperará o reparo. Caso contrário, irá em busca de outra loja. É por isso que é tão importante sempre verificar e corrigir o funcionamento de todas as páginas de forma imediata e constante.

Vender produtos on-line revolucionou o modo de vender e comprar de muitas pessoas. Aprimorar essa experiência é fundamental para conquistar cada vez mais clientes.

Você vende ou está pensando em vender produtos on-line? Conte nos comentários! Aproveite e baixe gratuitamente o e-book com 28 técnicas de persuasão que podem aumentar significativamente as chances de você receber um SIM.

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *