5 indicadores de desempenho para conquistar resultados de alta performance

indicadores de desempenho para melhorar a performance da sua empresa

Se você já começou a pesquisar sobre empreendedorismo digital, deve ter se deparado com o termo KPI, ou Key Performance Indicator. Os KPIs são, na verdade, indicadores de desempenho que servem para mensurar aspectos estratégicos de uma empresa. Existem indicadores de desempenho que medem a produtividade dos colaboradores, a lucratividade dos negócios fechados, o ticket médio de compra dos clientes…

Investir em bons indicadores de desempenho é fundamental para ter sucesso na conquista dos objetivos da sua empresa. É através deles que você conseguirá medir com precisão, quais são os processos de mais eficazes dentro da empresa e, também, o que precisa ser aprimorado.

A diferença fundamental entre os indicadores de desempenho e as outras métricas é a sua participação na melhora dos resultados da empresa. Enquanto as métricas gerais podem medir qualquer coisa, os KPIs devem estar relacionados diretamente com os resultados operacionais da empresa.

Por exemplo, métricas que mensuram a quantidade de curtidas e compartilhamentos de um determinado post do Facebook  são um indicador de desempenho se o objetivo naquele momento for a difusão de informação, agora se o objetivo for a conversão de vendas, estas mesmas métricas não terão a mesma importância.

Porque é importante escolher os indicadores de desempenho com cuidado

Segundo dados do Sebrae uma das principais razões para a mortalidade dos pequenos negócios é justamente a escolha de KPI’s inapropriados que resultam em uma estratégia de gestão equivocada.

Estes dados fazem muito sentido, acompanhe o raciocínio: escolher os indicadores errados para mensurar a performance da sua empresa irá levar à coleta de dados pouco relevantes que, por sua vez, indicarão estratégias pouco eficientes para atingir os objetivos essenciais do negócio, prejudicando a sobrevivência da empresa.

Para escolher quais indicadores adotar, você deve primeiro estabelecer os objetivos e metas da empresa. Uma loja virtual que possui uma boa quantidade de pedidos, mas ainda não obtém resultados financeiros satisfatórios pode optar por indicadores de lucratividade. Já uma empresa de marketing digital que possui lucro, mas tem poucos clientes deve avaliar o índice de dependência e  assim por diante.

Adotando os KPI’s adequados, as empresas conseguem mensurar exatamente quais são os seus pontos fortes e fracos e aprimorá-los, reduzindo a vulnerabilidade do negócio.

5 indicadores de desempenho essenciais para pequenos negócios digitais

1 – Indicadores de Produtividade:Medem o volume de entregas em relação ao tempo, ou a outros esforços. Este indicador serve para criar estratégias que melhorem o fluxo de trabalho, otimizando a quantidade de funcionários necessária para um determinado projeto.

Exemplo: Um consultor de marketing consegue atender a 5 clientes em 8 horas de trabalho usando o Skype, outro consegue atender somente a 3, mas os visita pessoalmente. Com este número em mãos é possível criar novas formas de atender os clientes, mesclando o online com o presencial.

2- Indicadores de Qualidade:indicam a relação entre a quantidade de produtos ou serviços oferecidos com o grau de satisfação dos clientes. Com ele é possível diagnosticar quais são os ajustes necessários no processo de trabalho.

Exemplo. A empresa de consultoria de marketing que emprega os consultores do exemplo anterior tem uma base de 50 clientes. Eles fizeram uma pesquisa e descobriram que 48 clientes conseguiram atingir totalmente os objetivos que almejavam após a consultoria. Sua taxa de qualidade é de 96%.

3 – Indicadores de Conversão:Indicam a relação entre o número de pessoas que procura a empresa e o número de vendas realizadas. Com esta taxa em mãos é possível analisar se os processos comerciais precisam de ajustes.

Exemplo: Esta consultoria de marketing conseguiu abordar 500 pessoas dentro do seu público-alvo no primeiro ano de existência, mas neste mesmo período, conseguiu transformar somente 50 em clientes. A sua taxa de conversão de vendas é de 10%.

4 – Indicadores de lucratividade: Mostram a relação entre o faturamento total e o lucro gerado com as vendas, possibilitando diagnosticar se os produtos ou serviços oferecem um retorno adequado à empresa.

Exemplo: Uma consultoria de marketing faturou R$ 500 mil com a comercialização de seus serviços, mas possui um custo operacional de R$ 300 mil, gerando um lucro de R$ 200 mil.  Logo a sua lucratividade está em torno de 40%, o que é um bom índice para os seus objetivos.

5 – Indicadores de Rentabilidade: Mostram a relação entre os valores investidos e o lucro obtido em uma determinada ação. Com este indicador é possível redirecionar recursos financeiros de maneira estratégica para a sua empresa.

Por exemplo: A mesma consultoria de marketing investiu R$ 1 milhão em suas operações, e obteve lucro de R$ 200 mil. Constatando uma rentabilidade de 20%, abaixo de suas expectativas. Relacionando este indicador com com os anteriores é possível constatar que o volume de vendas deve ser aumentado para melhorar a taxa de rentabilidade da empresa, uma vez que as margens de lucro e a satisfação dos clientes que já se relacionam com a empresa são satisfatórias.

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *