O Que é Investimento P2P? Aprenda Aqui

O Que é Investimento P2P

Para você que não sabe o que é investimento P2P, vamos falar sobre o assunto neste artigo. A sigla refere-se ao nome Peer to Peer, que significa de “Pessoa Para Pessoa”. 

Essa modalidade de investimento é fácil e prática, pois não há burocracias envolvendo instituições financeiras. Além disso, tem boa rentabilidade para ambos (quem investe e quem recebe o investimento).

O que é investimento P2P

O investimento P2P funciona como um empréstimo coletivo em que é possível investir em pessoas ou empresas privadas, sem precisar do intermédio de um banco. Ele é baseado na economia compartilhada e foi criado em 2005, por meio de uma plataforma inglesa. 

Ao não precisar de um banco para fazer a intermediação do investimento, elimina-se também a necessidade do pagamento de altas taxas e de toda a burocracia envolvida em outras modalidades. 

De um lado, o investidor pode ter mais clareza e menos dificuldade para investir. Enquanto isso, a pessoa ou empresa que recebe o investimento consegue reunir recursos para fazer seu negócio caminhar para frente, rumo ao sucesso. 

Vantagens da modalidade P2P

Agora que você sabe o que é investimento P2P, vamos conferir algumas vantagens dessa modalidade. Veja: 

  • • ela é 100% on-line, o que a torna mais acessível e prática; 
  • • tem menos burocracias para começar a investir;
  • • os juros do investimento são menores, já que não tem nenhum banco como intermediário;
  • • é mais rápida; 
  • • tem boa rentabilidade, podendo ser maior que o CDB (Certificado de Depósito Bancário) e o Tesouro Direto.

Investimento P2P — Pessoa para Pessoa

Como funciona o investimento de Pessoa para Pessoa?

No P2P, para investir seu dinheiro, não é necessário escolher e ir até uma agência bancária tradicional. O investimento é feito por meio de um tomador de empréstimo. 

O processo funciona como em um investimento normal — porém, ao invés de você emprestar um montante para um banco, faz isso para o tomador de crédito e recebe o que emprestou com juros de volta.

Mas como “encontrar” esse tomador de crédito? No Brasil, há diversas plataformas que oferecem o empréstimo e você precisa fazer isso por meio delas. 

Porém, como todo investimento, esse também tem seus riscos. Pode ser que você não receba o pagamento do empréstimo. Por esse motivo, ao entrar em uma plataforma de investimento P2P, é necessário analisar bem o cenário do tomador de crédito e todas as informações que estão disponíveis. 

Além do mais, investidores precisam ter sempre em mente que é necessário diversificar suas aplicações. Assim, não corre o risco de perder todo o recurso que tem para investir 100%. Para isso, divida o valor e aplique em outras modalidades de empréstimo. 

Outras modalidades de investimento

Há outras modalidades para você investir e diversificar sua carteira. Veja algumas que separamos:

  • • Títulos Públicos — são aplicações de renda fixa e emitidos pelo Governo Federal. Neles, o governo capta recursos para financiar as atividades e dívidas públicas;
  • • LCI (Letras de Crédito Imobiliário) e LCA (Letras de Crédito do Agronegócio) — também de renda fixa, esses títulos são empréstimos que você faz a uma instituição financeira voltada para financiamento de imóveis, no caso da LCI, e para o setor agrícola, se for da LCA. 
  • • ações — essa é uma opção de investimento de renda variável. Você investe em pequenas parcelas de uma empresa, por meio da Bolsa de Valores, para que elas possam investir. Com isso, você vira sócio da empresa e pode ter uma parcela dos lucros, dependendo de quanto investe. 

Caso você seja um perfil mais conservador de investidor, precisa tomar cuidado com as oscilações do mercado. Portanto, as rendas fixas são as melhores opções. Já se você é mais arrojado e está disposto a correr riscos, mas também ter chances de ter uma rentabilidade maior, então opte pela renda variável ou pelo investimento Peer to Peer.

Conclusão

Neste artigo, você entendeu o que é investimento P2P, viu como ele pode ser vantajoso para o investidor e o tomador de crédito e ainda descobriu que sua maior vantagem são as taxas de juros menores e menos burocracia no procedimento. 

Além disso, você conferiu também como essa modalidade de aplicação funciona, sendo bem parecida com os investimentos comuns aos bancos, mas não tendo uma instituição bancária para realizar o intermédio da transação. No Peer to Peer, é necessário entrar em uma plataforma de empréstimos para fazer aplicar seu dinheiro. 

Você viu também que há outras formas de aplicações disponíveis, como títulos públicos, LCI e LCA e ações. Assim, pode escolher a que mais se adequa ao seu perfil de investidor, ao quanto você tem guardado para investir e ao objetivo do investimento. 

Gostou do conteúdo? Deixe seu comentário e continue acompanhando os textos da Ignição Digital para ficar sempre informado! 

Fórmula de Lançamento - Ebook

Entre os dias 29 de junho a 03 de julho de 2020, vai acontecer a Jornada 6 em 7 - Ao Vivo. Uma série de 5 encontros onde eu vou mostrar como faturar 6 dígitos em 7 dias no seu negócio atual ou em um novo negócio online.

FAÇA SUA INSCRIÇÃO

Ao se inscrever, você também irá receber e-mails de promoção/marketing do Erico Rocha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *