5 Dicas Para Uma Entrevista de Emprego Virtual

entrevista de emprego

Com a tecnologia cada vez mais em alta é muito comum os recrutadores usarem os meios digitais não só para abertura e seleção de vagas, mas, também, para a entrevista de emprego. 

Uma conversa por videochamada, seja ela gravada ou não, basicamente contém as mesmas perguntas de um contato pessoal. Porém, pode ser ainda mais vantajosa para um recrutador.

Isso porque do conforto de sua casa — ou de onde mais o candidato estiver —, é possível analisar como a distância pode influenciar no seu comportamento, uma vez que um ambiente de trabalho pode deixar a pessoa mais séria e centrada. 

Diante disso, hoje você vai aprender:

  • – dicas para uma entrevista de emprego on-line;
  • – benefícios do recrutamento on-line.

5 dicas para uma entrevista de emprego on-line

O nervosismo é algo que sempre vai existir em uma entrevista de emprego virtual ou não, por isso passar a sensação de tranquilidade é essencial. 

Por ser em um ambiente mais descontraído, muitos candidatos acreditam que não precisam se preocupar com as condições de estrutura do local da reunião, afinal, é o seu conhecimento que conta, certo? Negativo. 

Claro que o recrutador não avaliará se o escritório está pintado ou não, por exemplo, mas é importante que o candidato passe uma imagem profissional e de segurança. 

Além de escolher um ambiente sem ruídos, se deseja obter sucesso nas suas seleções, não deixe de conferir os seguintes pontos durante a videoconferência:

1. Vestimenta do candidato

Para conferir se o candidato está levando a sério ou não a entrevista de emprego, repare em sua roupa — ou pelo menos na parte em que você consegue ver. 

Ninguém espera uma superprodução, mas, também, não deseja encontrar uma pessoa de pijama e descabelada. 

A vestimenta já é o primeiro quesito a ser considerado, uma vez que ela mostra o quanto aquele candidato tem uma postura profissional e se preparou para a ocasião. 

2. Seu roteiro para a reunião

Entrevistas virtuais também devem seguir um roteiro pré-estabelecido. O que você deseja saber do profissional é o mesmo do que em uma reunião presencial, por exemplo. 

Defina os pontos que são importantes para a sua empresa, como:

  • – breve histórico profissional;
  • – competências e habilidades;
  • – qualidades;
  • – pontos de destaque;
  • – entre outras informações que considerar relevante.

3. A qualidade da conexão

É importante conferir se o seu instrumento de trabalho, como notebook e conexão com a internet estão funcionando corretamente. 

O link da videochamada também deve estar conforme o planejado, por isso, antes do horário agendado, verifique a sala que vai usar. Afinal, é dever do recrutar garantir a imagem e a qualidade da empresa. 

Entre no link 20 minutos antes da hora estabelecida para resolver possíveis contratempos. Faça o que estiver a seu alcance para minimizar as chances de problemas. 

4. Se o ambiente está sem distrações

Estar em casa, independentemente do lugar que você escolheu, pode ser mais propício às distrações. Além disso, barulhos externos, como vizinhos, cachorro e carros na hora são fatores que não dependem de você. 

Por isso, quando estiver on-line, tente manter o foco apenas na sua entrevista de emprego e deixe o restante no modo off-line. 

5. O delay

As entrevistas por vídeo podem sofrer com o delay — atraso no recebimento do áudio e imagem. Não é sempre, mas geralmente acontece. 

Se acontecer durante a sua entrevista, fique calmo. Faça pausas antes de uma pergunta e outra, e espere algum tipo de reação da pessoa do outro lado da chamada. Falar devagar também ajuda a entender melhor. 

Benefícios da entrevista de emprego on-line

Existem alguns benefícios de se fazer uma entrevista virtualmente. Se deseja aplicar esse tipo de recrutamento, veja quais são os quatro pontos positivos principais:

  • – agilidade no processo: fazer entrevistas on-line agiliza o processo de recrutamento, afinal, dispensa a necessidade de uma estrutura presencial;
  • – redução de custos: os processos virtuais reduzem custos na empresa, como energia, telefone e até mesmo serviços de terceiros;
  • – otimização de tempo: o candidato não precisará se deslocar até o local e isso não impactará no tempo da entrevista, por exemplo. Basta ligar a câmera e começar a chamada;
  • – análise criteriosa: geralmente, o que você analisa das entrevistas pessoais é o que anotou e o que é lembrado do momento. Em um vídeo, é possível gravar a chamada para posteriormente analisar de maneira mais calma e criteriosa o candidato. 

Conclusão

No artigo de hoje você aprendeu como fazer uma entrevista de emprego virtual e o que deve levar em consideração na hora da videochamada. Apesar de ser por vídeo, não deixe de analisar todos os pontos listados no artigo.

Viu também que os benefícios são bastante eficazes e podem agilizar ainda mais o seu processo de recrutamento. Caso você esteja com pressa para preencher a vaga, essa alternativa pode ser uma ótima ideia. 
Gostou do conteúdo? Deixe um comentário abaixo! Para mais dicas assim, não deixe de acompanhar o blog da Ignição Digital!

Fórmula de Lançamento - Ebook

Participe do meu grupo no Telegram! Sacadas e conteúdo exclusivo para quem quer se aprofundar mais no mundo do marketing digital, lançamentos e 6 em 7.

FAÇA SUA INSCRIÇÃO

Ao se inscrever, você também irá receber e-mails de promoção/marketing do Erico Rocha

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *