Saiba Como Definir Prioridades com o Diagrama de Ishikawa

Saiba Como Definir Prioridades com o Diagrama de Ishikawa

O diagrama de Ishikawa, também conhecido como Espinha de Peixe, é um ótimo aliado para organizar sua empresa de forma extremamente visual e simplificada, seja ela de pequeno, médio ou grande porte.

O que é o diagrama de Ishikawa?

O diagrama de Ishikawa foi criado pelo japonês Kaoru Ishikawa com a finalidade de representar graficamente os problemas da organização, dando a possibilidade do gestor categorizar hierarquicamente cada um, atribuindo suas causas e elencando oportunidades para melhorias.

Ou seja, trata-se de uma ferramenta capaz de auxiliar no controle de qualidade da empresa, já que torna mais fácil a visualização as causas, efeitos e soluções de  todos os contratempos.

CLIQUE e baixe o ebook!

Geralmente, o diagrama de Ishikawa é dividido em seis categorias, sendo elas:

mão-de-obra: quando um colaborador causa determinado tipo de problema, seja com procedimentos incorretos ou modo de agir;
meio ambiente: quando o problema pode ser delimitado, seja no espaço interno ou externo da empresa;
material: quando os materiais utilizados não estão de acordo com as necessidades para a produção de alguma tarefa;
método: quando a metodologia utilizada gerou efeito negativo no trabalho;
máquina: quando um equipamento está com defeito, em falta ou é inadequado para o trabalho;
medida: quando o efeito é causado por uma medida errada durante o processo.

Entendi! Mas, como definir prioridades com ele?

Como citamos anteriormente, você consegue categorizar cada problema no diagrama de Ishikawa. Ou melhor, ao desenhar o diagrama, adicione cada item com um grau de prioridade, posicionando as mais urgentes acima.

Dessa forma, a visualização será mais objetiva e ao bater o olho, conseguirá identificar todas as causas, efeitos e soluções descritas no diagrama, chegando na raiz do problema.

Quais são as vantagens do diagrama de Ishikawa?

Quer ainda mais vantagens em utilizar o diagrama de Ishikawa?  Veja alguns exemplos:

• compreensão das variáveis que podem gerar problemas para a organização;
• poder de incentivar os colaboradores a envolverem-se com os resultados;
• auxílio no controle de qualidade dos produtos ou serviços prestados pela empresa;
• organização de todas as ideias geradas em brainstorming, evitando que as informações se percam no caminho.

Gostou deste artigo sobre diagrama de Ishikawa? Então aplique-o em sua empresa e veja uma relevante melhora na gestão e controle de problemas.

Continue acompanhando o Ignição Digital e veja mais matérias sobre negócios, gestão e produtividade .

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *