O Que é Balanço Patrimonial?

O que é Balanço Patrimonial

Você sabe o que é balanço patrimonial? Todo empresário já ouviu falar, até por ser um item obrigatório para a continuidade do funcionamento de uma empresa, mas muitos não entendem como esse balanço é feito ou o que ele realmente representa. Se esse é o seu caso, então continue lendo e tire todas as duas dúvidas!

Afinal, o que é balanço patrimonial?

Respondendo objetivamente o que é balanço patrimonial, posso dizer que é uma demonstração contábil que tem o objetivo de evidenciar de forma quantitativa e qualitativa a posição patrimonial e financeira de uma empresa em uma determinada data. Normalmente essa atividade é realizada com intervalos de um ano, no final ou começo do ano, quando todos os fatos contábeis já foram contabilizados.

Entendeu? Eu explico melhor: o balanço patrimonial é um documento que apresenta as entradas e os gastos, com seus respectivos “nomes” (qualitativo) e valores (quantitativo), de uma empresa em um determinado período, deixando clara a situação financeira da empresa.

CLIQUE e baixe o ebook!

Ufa! Acho que agora ficou mais claro. Ah, é necessário também, inclusive determinado pela Lei 6404/76, que os valores do balanço anterior de cada item também sejam apresentados, o que facilita a observação da evolução das contas da empresa e o planejamento de ações futuras.

Agora que todos fomos formalmente apresentados, o restante do texto vai fluir mais facilmente!

Como é um Balanço Patrimonial?

O balanço patrimonial deve ser dividido em duas colunas, que, como foi determinado por convenção, deve apresentar do lado esquerdo o Ativo e do lado direito o Passivo e o Patrimônio Líquido. As contas devem ser agrupadas, para facilitar a análise, e colocadas em ordem de situação de liquidez. Ou seja, as que se “transformam” mais rapidamente em dinheiro devem ser apresentadas primeiro.

Ativo

São bens, direitos e outras aplicações de recursos da empresa. Lembrando que é necessário especificar qualitativamente cada componente e indicar o seu valor.

Passivo

São as obrigações ou dívidas com terceiros. Também devem ser especificadas a natureza e o valor de cada item.

Patrimônio Líquido

São as obrigações com a própria empresa. Alguns exemplos são os recursos investidos por acionistas ou pelos próprios sócios e as reservas de lucros. Assim como o Ativo e o Passivo, deve ser apresentado qualitativa e quantitativamente.

Para a contabilidade da empresa ser considerada balanceada, o total do Ativo deve ser igual à soma do Passivo com o Patrimônio Líquido.

Veja o que você precisa para criar o seu negócio digital de sucesso, com um método que pode ser aplicado em qualquer segmento. CLIQUE e baixe o ebook!

Utilidade do Balanço Patrimonial

Além da utilidade óbvia de estar dentro da lei, o balanço patrimonial tem também outras serventias, como:

  • deixar clara a situação financeira da empresa;
  • compreender de onde vêm e para onde vão os recursos;
  • facilitar a observação da evolução das contas;
  • facilitar o planejamento de ações futuras;
  • fornecer informações úteis aos stakeholders.

Recomendo também a leitura do meu artigo sobre como fazer balanço patrimonial para a minha empresa. Caso ainda fique com dúvidas, consulte o seu contador! E, para receber em primeira mão mais conteúdos relevantes como este, inscreva-se na newsletter do Ignição Digital. É só deixar o seu e-mail no campo destacado no topo da página.

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Este guia definitivo reúne a base de todas as minhas estratégias de marketing para alavancar vendas ou criar um negócio 100% digital do zero.

DIGITE SEU E-MAIL E BAIXE O SEU GUIA GRATUITAMENTE

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *