O Que É Aporte de Capital?

o-que-e-aporte-de-capital

Aporte de capital diz respeito à contribuição financeira utilizada pelas empresas para determinado fim. Dada sua importância, esse termo é muito recorrente no empreendedorismo e aqueles que se aventuram neste mundo devem compreender melhor sobre esse conceito, muito útil quando o desejo é impulsionar o crescimento do seu negócio, mesmo sem dinheiro em caixa para o investimento.

Mas como funciona o aporte de capital? De acordo com a fase do seu negócio, você pode recorrer a um tipo de investimento específico. São três os principais:

  • Na fase inicial há o Investidor Anjo e o capital, relativamente difíceis de conseguir devido ao risco de incerteza do empreendimento.
  • Na fase de maturação, a melhor alternativa é o Venture capital ou capital de risco.
  • Na fase final, há a possibilidade do Private Equity, que oferece expectativas de retorno mais altos.

Como utilizar o aporte de capital?

O primeiro passo é encontrar um investidor que ofereça os recursos necessários de acordo com a fase do seu negócio. Sei que em um momento de necessidade, tendemos a abraçar a primeira oportunidade que aparece, mas é importante conhecer os interessados em investir em sua empresa.

CLIQUE e baixe o ebook!

Para isso, você deve identificar seus pontos fracos e fortes, bem como em que sentido eles podem ajudar no seu empreendimento. Em seguida, é importante elaborar um plano de negócios para destinar corretamente o dinheiro. Isso evitará utilizar a quantia em outros fins fora do planejado, o que poderá gerar rombos nas finanças e causar descontentamento daqueles que apostaram na sua empresa.

Sei que você deve estar se questionando: “como fica o relacionamento com o investidor após o aporte de capital?” Enquanto alguns acreditam que devem manter uma certa distância para usufruir de mais autonomia no gerenciamento do negócio e compartilhar apenas a participação nos lucros, outros já apostam no estreitamento dos laços para um relacionamento mais longo e duradouro.

Particularmente, estou no segundo grupo. Se um investidor acreditou no meu negócio a ponto de oferecer recursos para alavancá-lo, isso significa que nós construímos uma parceria baseada na confiança. Nesse sentido, ambos os lados podem ganhar muito com a troca de experiências durante todo o processo.

Os empreendedores não devem encarar o aporte de capital como um simples empréstimo. Considerá-lo como uma parceria é bem mais vantajoso e isso envolve bem mais do que somas de dinheiro. Aproveite o momento para obter conselhos, ouvir dicas e compartilhar problemas .

Dessa maneira as chances de seu negócio prosperar são maiores. De quebra, você ainda conquista a confiança do seu investidor e, quem sabe, pode estender ainda mais essa parceria ou conseguir indicações de outras.

Veja o que você precisa para criar o seu negócio digital de sucesso, com um método que pode ser aplicado em qualquer segmento. CLIQUE e baixe o ebook!

Para tornar a relação empreendedor-investidor mais participativa, você pode criar um pequeno Conselho, constituído por uma equipe com funções específicas. Depois, é só convidar o investidor para as reuniões, o que o ajudará a se manter o máximo informado possível sobre o andamento do projeto. Invista também em relatórios objetivos, com os dados detalhados e status do processo.

Espero que esta sacada tenha sido útil para você! Quer receber mais conteúdo assim para sua empresa crescer cada vez mais? Assine agora a nossa newsletter!

Fórmula de Lançamento - Inscrições Abertas

Inscrições Encerradas!

QUERO ENTRAR PARA LISTA DE ESPERA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *